Sábado, 15 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

PM apresenta resultados da Operação Divisa Segura


Publicado em 07 de agosto de 2012
Por Jornal Do Dia


Carga que foi recuperada

A operação vai continuar nas divisas de Sergipe com outros Estados

O Comando do Policiamento Militar do Interior (CPMI), ligado à Polícia Militar, divulgou ontem o balanço das ocorrências atendidas durante os primeiros seis meses da Operação Divisa Segura, ação desencadeada entre os meses de janeiro e julho, nos municípios limítrofes de Sergipe com os Estados da Bahia e Alagoas. De acordo com os dados expostos pelo coronel José Andrade, comandante do CPMI, a ação desempenhada em 14 rotas do Estado, resultou na apreensão de 23 armas de fogo, com destaque para uma pistola calibre 40, com um carregador e 13 munições, que foi apreendida na madrugada da terça-feira, 31 de julho, no quilômetro 200 da BR 101 em posse de Carlos Alberto da Nóbrega Filho.

A Operação também culminou na apreensão de 11 carros, entre eles uma ambulância com registro do Ceará, que transportava carne bovina ilegalmente pela rodovia que corta o município de Indiaroba, na divisa entre Sergipe e Bahia, na sexta-feira, 2 de dezembro de 2011. Ainda durante os trabalhos, oito pessoas foram presas, destas, quatro homens acusados de invadir a Delegacia da cidade de Pão de Açúcar (AL), no dia 6 de março.

Ainda com base nos números exibidos pelo CPMI, a Divisa Segura recuperou no sábado, 26 de novembro de 2011, uma carga roubada que estava escondida num galpão do município de Tobias Barreto (Centro-Sul). O material tinha sido roubado no dia anterior em Itatim (BA) e estava avaliada em mais de R$ 500 mil.
Ao final do primeiro semestre da Operação Divisa Segura, o CPMI realizou mais de 5 mil abordagens. Ao todo, 90% dos veículos parados na operação estavam com o licenciamento vencido e que 90% dos motoristas não possuíam Carteira Nacional de Habilitação (CNH). De acordo com o coronel Andrade, os trabalhos, que também têm a parceria das Polícias Civil e Rodoviária Federal, mostraram uma queda dos índices de criminalidade na região do alto sertão e nas divisas.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade