Terça, 23 De Abril De 2024
       
**PUBLICIDADE
Publicidade

SSP monta grande operação para cumprir 262 mandados


Avatar

Publicado em 10 de maio de 2013
Por Jornal Do Dia


A OPERAÇÃO FOI DESENVOLVIDA EM TODOS OS MUNICÍPIOS DO ESTADO E VAI PROSSEGUIR NOS PRÓXIMOS DIAS PARA RETIRAR CRIMINOSOS DAS RUAS

Policiais procuram fugitivos no telhado de casa

Gabriel Damásio
[email protected]

Mais de 500 policiais civis e militares foram mobilizados ontem em todo o estado para cumprir 210 mandados de prisão e mais 52 de busca e apreensão expedidos pela Justiça. A ação, chamada de "Operação 75", foi deflagrada durante a madrugada em todas as 75 cidades do Estado, planejada pela Secretaria da Segurança Pública (SSP) há cerca de 20 dias, em regime de força-tarefa, e coordenada diretamente pelo secretário João Eloy de Menezes. De acordo com o balanço divulgado às 20h de ontem, 70 pessoas já foram presas, sendo 61 adultos e nove adolescentes envolvidos em crimes. Sete armas de fogo foram apreendidas, além de uma quantia indeterminada de crack e de maconha. Os policiais também recuperaram sete motos furtadas, roubadas ou usadas nas ações criminosas investigadas.

O foco principal da ação foi o combate ao tráfico de drogas, apontado como o maior motivo do crescimento registrado em algumas modalidades de crimes, como homicídios e assaltos à mão armada. Muitas destas prisões surgiram de informações repassadas pela população ao Disque-Denúncia da SSP (181), cujo serviço foi bastante divulgado durante as abordagens policiais de ontem. "Estamos comemorando muito o resultado do 181. Foi baseado nestas denúncias que nós chegamos a esses acusados, representamos pelas prisões deles e o Judiciário entendeu a necessidade de apoiar essa ideia. O resultado dessa operação foi excelente, graças ao apoio que a população tem dado à polícia", disse a delegada Viviane Cruz Pessoa, coordenadora de Polícia da Capital, ao divulgar os dados em entrevista à TV Atalaia.

Em muitos locais da capital, a rotina foi quebrada com a intensa movimentação de viaturas, policiais armados e até um helicóptero do Grupamento Tático Aéreo (GTA). A principal delas foi no Conjunto Augusto Franco (zona sul de Aracaju), onde equipes da 4ª Delegacia Metropolitana (4ª DM) e de outras unidades fizeram buscas por cinco foragidos. Um deles, Valdicélio dos Santos, 39 anos, considerado um dos principais traficantes do conjunto, foi preso em uma área conhecida como ‘Barroso’, no bairro Farolândia. Na casa, foram achados um revólver e uma quantia de cocaína. "Valdicélio disputa o ponto de venda de drogas da localidade com uma facção rival. Há dois meses, traficantes rivais foram ao loteamento e dispararam dois tiros contra Valdicélio. Ele foi socorrido, recebeu alta médica do Hospital de Urgência [Huse] há 15 dias e desde então voltou a vender drogas na região, explica o delegado Marcos Garcia, da 4ª DM.

Outro foragido preso ontem é Alex dos Santos Oliveira, apontado com autor de crimes de roubo e sequestros-relâmpagos. Sua prisão foi decretada pela 1ª Vara Criminal de Aracaju e cumprida com dificuldade pelos policiais, que o encontraram escondido no banheiro de uma casa vizinha. "Encontramos dificuldade na realização dessa prisão porque a casa tem dois andares, o que facilitava a fuga de quem se encontrava no interior da casa. Assim que entramos, percebemos que Alex havia fugido pelo telhado. Pedimos autorização dos vizinhos para entrar nas casas a fim de verificar a rota de Alex", disse Garcia.

As buscas também se concentraram na Zona de Expansão, onde as equipes da PM e da Civil tentaram prender acusados de assaltos a postos de combustíveis nos bairros Aruana, Mosqueiro e Robalo. Um deles, Cristóvão Marques dos Santos de Jesus, o ‘Tovinho’, 21, chegou a ter sua casa invadida pelos policiais, mas conseguiu escapar por um matagal. "Descobrimos que ele estaria escondido em uma casa da região, mas ele fugiu levando todos os seus pertences. Informantes indicaram alguns endereços que ele poderia ser achado, mas nada foi encontrado", destacou o delegado, afirmando ainda que ‘Tovinho’ é considerado perigoso e violento, a ponto de ter já agredido e ameaçado os próprios pais.

Uma coletiva de imprensa será dada hoje pela cúpula da SSP para dar o balanço consolidado da ‘Operação 75’, que pode ser prorrogada apesar do encerramento previsto para a madrugada de hoje. "Nós extamos muito próximos do período junino, e nos antecipamos em retirar as armas, drogas e delinquentes de circulação. Acreditamos que isso é muito importante para manter a tranquilidade da população, sobretudo neste período", avaliou o comandante-geral da PM, coronel Maurício Iunes. A operação da SSP também fez parte da "PC-27", iniciativa do Conselho Nacional dos Chefes de Polícias Civis (CONCPC) realizada em todos os estados brasileiros, com participação de mais de 5.100 policiais.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE
Publicidade