Domingo, 23 De Junho De 2024
       
**PUBLICIDADE


A relevância do IBGE


Publicado em 30 de maio de 2024
Por Jornal Do Dia Se


Saumíneo Nascimento
saumineon@gmail.com

No dia 29 de maio é comemorado o dia do geógrafo, sendo que esta data foi estipulada porque é a data de criação do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, no ano de 1936. Assim, este breve artigo é uma homenagem ao IBGE pelos relevantes serviços que presta para a sociedade brasileira.
A missão institucional do IBGE, conforme consta em seu site, é retratar o Brasil com informações necessárias ao conhecimento de sua realidade e ao exercício da cidadania.
O IBGE é a principal fonte de dados e informações de nosso país, portanto o acesso às suas informações é uma obrigação, fazendo parte da rotina dos diversos pesquisadores, que frequentemente utilizam os dados e informações produzidas para os seus trabalhos técnicos.
O IBGE permite termos uma visão completa e sempre atualizada do Brasil, com o devido detalhamento estatístico e geográfico.
Enquanto entidade da administração pública federal, o Instituto é vinculado ao Ministério do Planejamento e Orçamento e desenvolve suas atividades em todo o território do país com 27 Superintendências nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal, com disseminação de informações no âmbito nacional e local.
Atualmente o Presidente do IBGE é o Economista Márcio Pochmann, reconhecido profissional, pesquisador e professor universitário com forte formação técnica para a condução dos destinos do instituto.
Dentre as diversas atividades e trabalhos do IBGE, reputo como de essencial importância, a produção do Censo Demográfico de 2022 que vem divulgando constantemente informações atualizadas e precisas, úteis para a implementação de políticas públicas no Brasil.
Das informações gerais e já estão disponíveis, apontamos dos principais dados geopolíticos que devemos conhecer de um país, a saber: Área – 8.510.417,77 Km 2 com uma população de 203.080.756 pessoas, o que resulta em uma densidade demográfica de 23,86 habitantes/Km2. Sendo a maioria de nossa população feminina, são 104.548.325 mulheres (51,48%) e 98.532.431 homens (48,52%). Ainda temos uma alto percentual de analfabetismo (7%), portanto muitos desafios no quesito educacional e com uma pirâmide etária que foi bem modificado ao longo do último século, com a base primária da pirâmide (0 a 4 anos), com apenas 3,07% da população e com a faixa etária de 35 a 39 anos sendo a com maior percentual da população brasileira (4,11%).
O outro censo produzido pelo IBGE é o Censo Agropecuário que investiga informações sobre os estabelecimentos agropecuários e as atividades agropecuárias, florestais e aquícolas neles desenvolvidas.
Na produção de informações realizadas pelo IBGE, os mapas oferecem uma visualização rica e detalhada em nível geográfico do Brasil, com fácil acesso e rápida captura com uma plataforma interativa.
Na lógica da disseminação da educação, existe um portal do IBGE voltado para a educação, com conteúdos atualizados e lúdicos sobre o Brasil, denominado de IBGEduca com seções específicas para crianças, jovens e professores e o público em geral. Entre as diversas produções do IBGEduca, destaco a produção de mais uma edição do Atlas Geográfico Escolar, com informações geográficas, estatísticas e cartográficas sobre o Brasil e o mundo.
Um banco importante de tabelas estatísticas é oferecido pelo Sistema IBGE de Recuperação Automática – SIDRA que permite a consulta aos dados armazenados.
Dentre as diversas informações produzidas pelo INGE, também merece destaque, a pesquisa que envolve a inflação oficial do Brasil que é medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA que tem o objetivo de medir a inflação de um conjunto de produtos e serviços comercializados no varejo, referente ao consumo pessoal das famílias. O IPCA abrange as famílias com rendimento de 1 a 40 salários mínimos, qualquer que seja a fonte, residentes nas áreas urbanas das seguintes regiões metropolitanas: Belém, Fortaleza, Recife, Salvador, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, além do Distrito Federal e dos municípios de Goiânia, Campo Grande, Rio Branco, São Luís e Aracaju.
Além de inflação, mais duas variáveis macroeconômicas são apresentadas pelo IBGE à nossa sociedade: PIB e desemprego. A variação do PIB é medida pelo Sistema de Contas Nacionais Trimestrais e apresenta a evolução do indicador no tempo, comparando seu desempenho trimestralmente e anualmente
O IBGE também possui uma instituição Federal de Ensino Superior, a Escola Nacional de Ciências Estatísticas, que além das atividades de ensino e pesquisa é responsável pelas atividades de capacitação e treinamento de servidores do IBGE, e demais servidores públicos.
Pelo que foi apresentado fica evidenciada a relevância do IBGE para a sociedade brasileira e que o instituto continue avançando nas contribuições da disponibilização de dados e informações que possa contribuir para a melhoria da nossa sociedade.

**PUBLICIDADE



Capa do dia
Capa do dia



**PUBLICIDADE


**PUBLICIDADE